quinta-feira, 8 de dezembro de 2011

BLOG : ALAIR CORREA DIRETO


UM MILICIANO CHEIO DE MEDO!

O comerciante Moacir Cabral, dono do Pasquim Folha dos Lagos, atualmente conhecido como Diário Oficial do prefeito Marquinho Mendes, seu “sócio” e que o indeniza muito bem para que nada fale ou escreva sobre as peripécias e negociatas do seu governo. E ainda o elogia além, é claro, de não parar de nos atacar.

Nos últimos dias ele vem publicando em seu “jornal” o seguinte: “Alair vem dizendo que entrará na Prefeitura dia14”. É claro que a sua maldosa informação não me surpreendeu. Ocorre que não falo com esse miliciano há anos e não o vejo, faz mais de 1 ano. A última vez que eu o avistei ele estava no Bar 90° em animadíssima conversa com um garçom, depois disso nunca mais o vi.

Qual a intenção do miliciano “jornalista” em publicar tais informações que não lhe dei? Publica essas afirmações referentes ao TSE como se fossem verdades. Ele deveria ser preso por querer macular a história dos magistrados, alguns deles compõem a Suprema Corte. É um desrespeito para com eles e para com a posição por eles ocupada. 

Na verdade, a intenção do “jornalista” é criar fatos mentirosos que possam me prejudicar num julgamento. Isso tudo, se realmente o nosso processo for julgado antes do recesso, que se inicia dia 14, data da última sessão. 

 Afirmo que não é possível que saibamos datas antes dos processos irem para as pautas, que são públicas, e por isso  qualquer cidadão interessado pode ter acesso. Isso é uma tática utilizada covardemente por alguns advogados. Há 15 dias outro jornal fez a mesma declaração, então fui ao encontro do responsável pela coluna e solicitei que o mesmo se retratasse na edição subsequente e assinasse uma declaração afirmando que tinha publicado uma inverdade a meu respeito e assim ele fez. Agora esse pasquim, representando este governo, se presta a mais esse desserviço à Justiça e à população. 

Utilizou-se do Baile de Branco, uma festa natalina da Lagos TV, uma tradição de anos e tenta transformá-la numa festa de comemoração de uma possível vitória processual. Quanta perversidade!!! Não acreditamos que esses fatos maldosos influenciem ministros experientes e sabedores de que, no interior, mídias são manipuladas pela máquina pública com facilidade.

É claro que tenho esperança de que esse processo seja resolvido o quanto antes, porém  só Deus sabe o dia em que o Ministro levará o mesmo ao plenário e se seremos vencedores. As demais informações publicadas nas mídias não passam de especulações. Aqueles que amam a nossa cidade e verificam a sua falência, dia após dia, torcem para que o processo seja julgado e que sejamos vitoriosos; já os que se beneficiam deste desgoverno torcem pelo contrário. É esse o caso do miliciano da mídia que deve estar cheio de medo de perder suas benesses, porque sabe que, em nossa administração, as mídias recebem o institucional e o dele não será diferente.

Meu direito é bom e por isso espero e confio na Justiça. Aguardarei humildemente o desfecho dessa lide. Para o lamento dos adversários, afirmo que, se nossa vitória acontecer em qualquer tempo, eu assumirei a administração da cidade, lembrando que a Lei Orgânica Municipal é hierarquicamente subordinada à nossa Carta Magna (Constituição Federal) que garante esse direito.

Minha fé continua inabalável!

Nenhum comentário:

Postar um comentário